15 de julho de 2013

O Alienista

Título: O Alienista
Autor: Machado de Assis
Editora: FTD

   Simão Bacamarte é um psiquiatra que forma-se e volta para sua cidade, Itaguaí. Estudado, decide abrir uma casa de orates, ou seja, um tipo de hospital psiquiátrico ou sanatório, chamado de Casa Verde. Isto, portanto, é algo extremamente novo para a sociedade de Itaguaí, mas que de início realmente funciona, visto que vários loucos começaram a surgir dos arredores para serem internados na Casa Verde. O lugar tornou-se uma povoação.
   Porém, com o passar do tempo, Simão Bacamarte começou a observar e estudar o comportamento das pessoas, chegando à conclusão de que eram anormais por serem muitas vezes repetitivos. Estava cada vez mais dedicado, metido em seus estudos para encontrar a cura para a loucura dos cidadãos. Assim, todos os que para ele tinham um diagnóstico de insano, eram recolhidos à Casa Verde, deixando-a cada vez mais lotada. O povo então se revoltou, pois o alienista estava prendendo no lugar pessoas completamente sanas — até mesmo sua própria mulher, D. Evarista (a qual havia feito uma viagem ao Rio de Janeiro e voltado ainda mais ligada a sedas, veludos, rendas e pedras preciosas), declarando que suas conversas ultimamente eram apenas sobre estes objetos. O que aconteceria dali para frente quando a situação ficou fora de controle?

"Verdade é que, se todos os gostos fossem iguais, o que seria do amarelo?" (Página 37)

   Machado de Assis é um dos melhores autores da literatura brasileira. O livro tem um leve humor, tratando ao mesmo tempo da sanidade/insanidade mental com ironia e, de algum modo, com realismo. O final, pelo menos para mim, não decepcionou. Machado soube desenvolver a história de um jeito ótimo para ler, breve e com qualidade. Um clássico!

                                 

4 comentários:

  1. Gostei da resenha.
    Taí um livro que eu leria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ficamos felizes que gostou! O livro é ótimo, realmente vale a pena ler.
      - Equipe Leitores Possessivos!

      Excluir
  2. Li esse livro quando estava no colégio, eu tinha essa mania de ler livros literários por diversão enquanto os meus amigos liam apenas se os professores mandassem, fato que ler por diversão me abriu várias portas, a resenha ficou perfeita, eu não conseguiria descrever melhor, parabéns pelo trabalho no blog, sou poetisa se quiser conhecer o meu blog é esse aqui http://visoespoeticas-br.blogspot.com.br/

    Até mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom ver que ler por diversão acaba abrindo portas e nos fazendo conhecer obras incríveis como as de Machado. Muito obrigada pelos elogios e pela visita, Josie! Ficamos felizes!
      P.S.: Dei uma passadinha no seu blog e seus poemas são ótimos. Parabéns!
      - Equipe Leitores Possessivos

      Excluir

Então, vamos conversar?

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | MODIFICAÇÕES POR ITALO HENRIQUE E CÁSSIA VICENTIN | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo